PUBLI CÂMARA SENSDOR CANEDO FULL 5265
Logomarca
Nublado
º
min º max º
CapaJornal
Versão Impressa Leia Agora
Domingo. 25/07/2021
Facebook Twitter Instagram

CIDADES

SEGURANÇA

Roubo de veículos em Goiás recua 32% no primeiro semestre

Média diária da modalidade criminosa passou de 27,7 casos em 2018, para 5,7 em 2021. Número de automóveis recuperados chega a 72% dos furtos e roubos registrados

20/07/2021 às 20h00


POR Redação

facebook twitter whatsapp

O roubo de veículos em Goiás apresentou queda de 32% no primeiro semestre de 2021, em comparação com igual período de 2020. Os registros dessa modalidade criminosa saíram de uma média diária de 27,7 casos, em 2018, para 5,7 roubos, neste ano. É o que revelam os dados do Observatório de Segurança Pública, da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO).

Os números comprovam a tendência de redução, que vem sendo verificada desde o início de 2019. Na série histórica, a diminuição fica ainda mais expressiva, com -58% de roubos de veículos em todo ano de 2019, contraposto com as ocorrências de 2018; -40% em todo ano 2020, equiparado a 2019; e -32% nos seis primeiros meses 2021, comparado com igual período de 2020. Se levado em consideração os furtos de veículos nos seis primeiros meses deste ano e o mesmo período de 2020, a queda foi de 15,49%.

“Isso realmente é o resultado de uma polícia eficiente, competente, que hoje está totalmente articulada”, reconheceu o governador Ronaldo Caiado, que relembrou a insegurança vivida pela população nas gestões passadas. “Os criminosos tinham total conforto de agir em Goiás. No meu governo, não se passa a mão na cabeça de bandido, tenha a estatura que tiver”, reforçou.

Além da redução contínua, o trabalho das forças policiais vem contribuindo para, cada vez mais, reaver os automóveis subtraídos. De janeiro a junho de 2021, foram 2.642 veículos recuperados. Isso quer dizer que 72% de todos os automóveis roubados ou furtados em Goiás, nesse período, foram apreendidos e devidamente restituídos aos seus proprietários.

Para o secretário de Estado da Segurança Pública, Rodney Miranda, as estratégias adotadas para desmantelar as organizações criminosas contribuem para o saldo positivo. “O trabalho de repressão qualificada que foi feito, identificando quais são os reais comandantes desses crimes e ir em cima deles, tem auxiliado nesses resultados”, afirmou.

Segundo o chefe da SSP-GO, a meta é reduzir, cada vez mais, as ações criminosas. “Nós temos cidades e um Estado mais seguros. Vamos continuar trabalhando com a mesma seriedade e o mesmo empenho, para alcançar zero em todos os crimes. Esse sempre foi o nosso objetivo e vai continuar sendo”, destacou o titular da pasta.

Operações de destaque
Ao longo do primeiro semestre de 2021, diversas operações foram deflagradas para desarticular grupos criminosos que agiam no roubo de veículos. Durante uma delas, da Polícia Civil (PCGO), 21 pessoas foram presas no Estado. As detenções foram realizadas entre os dias 1º e 11 de junho, na capital, em Aparecida de Goiânia, Bela Vista, Quirinópolis e Brasília. A Operação Muggers (assaltantes em inglês), realizada pela Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA), contribuiu para a elucidação de ao menos 15 crimes.

Em uma ação integrada entre as Polícias Civil e Rodoviária Federal, cinco pessoas foram detidas, suspeitas de integrar uma organização criminosa especializada em roubos de veículos de cargas, em Aparecida de Goiânia. As equipes ainda resgataram uma das vítimas, que era mantida em cárcere privado.

Outro destaque de 2021 foi a Operação Trajeto Seguro, da DERFVRA. A ação teve como objetivo reprimir os crimes de furto e roubo de veículos praticados contra motorista de aplicativo, durante o período de pandemia da Covid-19. Ao todo, 24 pessoas foram presas ao longo das diligências, que contaram com o apoio da Polícia Militar de Goiás (PMGO).