PUBLI PREFEITURA DE GOIÂNIA CORONA TOPO PREMIUM
Logomarca
Nublado
º
min º max º
CapaJornal
Versão Impressa Leia Agora
Quinta-feira. 09/04/2020
Facebook Twitter Instagram

CIDADES

GOIÁS

Em Goiás, forças de segurança limitam fluxo de pessoas nas ruas

De acordo com o chefe da SSP, Rodney Miranda, as ações serão intensificadas para o cumprimento integral dos decretos do governador "para o bem de todos"

23/03/2020 às 14h00


POR Redação

facebook twitter whatsapp

A Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), em cumprimento aos decretos de quarentena contra o novo coronavírus publicados no Diário Oficial do Estado, está colocando nas ruas operações das forças de segurança, como Polícia Civil, Militar e Corpo de Bombeiros com o objetivo de restringir o fluxo de pessoas nas vias públicas.

Conforme o chefe da SSP-GO, Rodney Miranda, a ordem é para que as polícias e os bombeiros ajudem no cumprimento, por parte dos goianos, do decreto do governo. De acordo com ele, as ações serão intensificadas para o cumprimento integral dos decretos do governador “para o bem de todos”.

As ações adotadas pelo Corpo de Bombeiros, nomeada de Operação Comunidade Segura-Covid19, irão durar enquanto houver situação de emergência e devem ocorrer três vezes ao dia, sem prejuízo do atendimento de ocorrências.

Os militares estão divulgando na comunidade a importância do isolamento da população nas residências, bem como a alta probabilidade de contaminação pelo vírus em ambientes com aglomeração de pessoas, e também solicitando que a população atenda aos decretos do governo de Goiás, suspendendo o funcionamento de locais com possível reunião de público, além de divulgar os cuidados de higiene pessoal definidos pela Secretaria Estadual de Saúde, bem como a importância do isolamento nas residências.

 a Polícia Civil continua atuando contra crimes que prejudiquem a população como nos casos de orientação da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (Dercc) sobre vírus que roubam dados, das ações do Procon e da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra o Consumidor (Decon) ao coibir o abuso de preços ou fabricação e venda de produtos falsificados.

Em cumprimento a decretos de combate ao coronavírus, PM vai atuar para fechamento de estabelecimentos que insistirem em ficar abertos

As medidas tomadas pelo governo do Estado com a intenção de conter a proliferação do coronavírus, causador da Covid-19, libera o funcionamento apenas de estabelecimentos considerados de necessidade básica. Quanto aos outros, caso permaneçam abertos, contarão com força policial para seu fechamento.

A informação foi confirmada pela própria Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO). Segundo a corporação, os policiais vão atuar “para fechar os estabelecimentos que insistirem em abrir as portas, garantindo o cumprimento da Lei”.

Estabelecimentos como shoppings, bares, cinemas, academias, casas noturnas, entre outros devem permanecer fechados. Além do descumprimento, quem infringir as medidas podem responder pelo crime de infração de medida sanitária preventiva, cuja pena varia de um mês a um ano de prisão.